Fiapo de Jaca » Estilo de Vida » Como não engordar na gravidez

Como não engordar na gravidez

Ganhar muito peso na gravidez não é indicado à saúde de nenhuma gestante e para ter esse controle de medidas é necessário tomar algumas atitudes durante todo o período gestacional. Confira neste artigo algumas dicas para se manter dentro dos padrões adequados titulados pelos obstetras.

     

Muitas dúvidas circundam a cabeça e o emocional das mulheres quando elas estão gravidas e um dos seus grandes complexos é engordar. Bom, querendo ou não, o ganho de peso irá acontecer, isso porque uma nova vida está sendo gerada dentro do seu próprio corpo e por isso o seu organismo deverá se modificar para proporcionar as condições necessárias que o feto precisa para se desenvolver.

Dicas para não engordar muito na gravidez

Gestante se pesando.
(Foto: Reprodução)

Grande parte das gestantes ganham peso em excesso porque utilizam da desculpa de comer por dois ou mais, devido a quantidade de bebês que está gerando. Tudo bem que a fome aumenta e o corpo fica mais preguiçoso e sedentário, mas ficar parada o tempo todo porque está grávida e exagerar nas refeições não se faz necessário para que o feto cresça mais ou menos, mas possivelmente que tanto ele quanto a mulher possam vir a adquirir problemas de saúde posteriormente.

Devido a inúmeras preocupações, o acompanhamento do pré-natal e até mesmo de um nutricionista durante todo esse processo se faz necessário, para que nada fuja da normalidade e das médias ideais estipuladas pelos obstetras e pela medicina na quantidade de peso, que poderá ser ganha ou não, de acordo com o organismo da gestante.

Quanto posso engordar?

Para saber a quantidade total de quilos que será considerado adequado para ganhar durante a gravidez, é necessário saber o valor do seu IMC (Índice de Massa Corporal) antes de engravidar ou no início da gestação. Faça essa estimativa com seu obstetra e veja abaixo uma tabela parcial dos valores de peso:

» IMC inicial acima de 30 – ganho de peso ideal: de 5 kg a 9 kg;
» IMC inicial de 25 a 30 – ganho de peso ideal: de 7 kg a 11 kg;
» IMC inicial de 18,5 a 25 — ganho de peso ideal: 11 kg a 16 kg;
» IMC inicial de menos de 18,5 — ganho de peso ideal: 13 kg a 18 kg.

Observação: quando as mulheres se encontram acima do peso, é necessário que o médico acompanhe um pouco mais de perto a gestação, isso porque esse fator aumenta as chances do desenvolvimento de hipertensão e diabetes gestacional, podendo vir a prejudicar não somente o desenvolvimento do feto, mas a saúde da criança após o nascimento e também a da mãe.

Como se alimentar durante a gestação?

A melhor dica a se seguir durante todo o período gestacional é se alimentar corretamente, com refeições balanceadas, nutritivas, fracionadas, não exageradas, tomar muito líquido e praticar algum esporte físico com ajuda de um profissional, de acordo com as suas condições.

» Se alimente bem, mas sem exageros;

» Evite ficar beliscando o tempo todo;

» Procure se alimentar de três em três horas em quantidade pouca ou média;

» Tome bastante líquido;

» Aumente o consumo de alimentos ricos em fibras, proteínas, verduras, legumes, frutas e oleaginosas;

» Evite comer alimentos industrializados, enlatados, muito açucarados e/ou gordurosos;

» Evite bebidas gaseificadas, álcool e fumo;

» Opte por beber sucos feitos da própria fruta;

» Mastigue bem os alimentos, comendo bem devagar;

» Não beba nada enquanto come para maior aproveito dos nutrientes;

» Diminua o consumo de sal e temperos prontos;

» Faça com que o seu prato seja sempre bem colorido para um melhor aproveito de nutrientes;

» Prefira consumir carnes, peixes e frangos (sem pele) assados, cozidos ou grelhados;

» Não consuma medicações para emagrecimentos ou inibir o apetite;

» Faça exercícios físicos regularmente, mas avise ao instrutor que está gestante para que as modalidades sejam encaixadas ao seu padrão.

Lembre-se!

Mesmo com as diversas modificações no corpo durante o período gestacional, após o nascimento do bebê a estrutura corporal tende a voltar ao normal, com isso, quanto mais hábitos saudáveis forem praticados, mais fácil será a recuperação.

Saiba Mais:


Quer comentar ?