Candidiase: Como fortalecer o sistema imunológico contra candidíase

É preciso ter um sistema imunológico forte para combater o crescimento excessivo do Candida Albicans, dado que o sistema imunológico é o primeiro a ser atacado pela candidíase.

Posto isto, é de deveras importância recompor as irregularidades encontradas no sistema imunológico causadas pela candidíase, além de fortalecer o sistema imunológico para evitar que o fungo ataque novamente.

Fadiga adrenal e síndrome do intestino solto são resultados de um sistema imunológico fraco. Logo, probióticos e antifúngicos, são medicamentos capazes de combater esse fungo e reestruturar o sistema imunológico.

Sendo assim, toda pessoa que buscar o tratamento correto e mudar a rotina para um estilo de vida saudável, conseguirá fazer com que o organismo elimine a candidíase.

Entenda como a Candidíase afeta o Sistema Imunológico:

Compreenda que a função do sistema imunológico é proteger o corpo e acabar com os agentes patogênicos. O sistema imunológico conta com a contribuição de quase todas as partes do corpo, portanto, quando algo no organismo não está funcionando como deveria, a saúde geral está em risco.

Veja a seguir:

• A candidíase desequilibra a flora do intestino
• Provoca a síndrome do intestino solto
• Causa fadiga adrenal O desequilíbrio da flora intestinal acontece

Como Fortalecer o Sistema Imunológico

Próbioticos: Diminui a quantidade Candida Albicans no estômago, mantém a acidez do estômago.

Vitaminas C: Fornece suporte às glândulas suprarrenais, órgãos importantes para o metabolismo e regulação do açúcar no sangue. Além disso, a vitamina C estimula o sistema imunológico e dá ao seu corpo a melhor chance possível para combater a candidíase e colabora no aumento de ácido do estômago, retardando o desenvolvimento da candidíase.

Vitamina A: Incentiva as células do organismo a eliminar infecções nas superfícies mucosas.

Plantas medicinais e fitoterápicos: Algumas plantas são essenciais para diminuir o estresse do sistema imunológico. Por exemplo: a ashwagandha e a raiz de alcaçuz

Evite consumir cafeína: A cafeína causa fadiga adrenal, logo, causa também fraqueza ao sistema imunológico.

Faça exercício físico: Fazer atividades físicas favorece a circulação e também o fortalecimento do sistema imunológico

Sauna: A sauna ajuda a eliminar as toxinas do corpo e também provoca o esforço do sistema imunológico.
Reduza o estresse: O estresse físico e emocional traz problemas para o sistema imunológico, sendo assim, é preciso buscar maneiras saudáveis de evitar o estresse no dia a dia, isso pode evitar a candidíase

Sono de qualidade: Dormir bem é importante para as glândulas suprarrenais é tomar um bom descanso. As glândulas adrenais precisam de 8 horas de sono.

O que fazer quando se sofre pancadas na cabeça

Nem sempre é fácil saber o que fazer com uma pessoa que acabou de sofrer uma pancada na cabeça, posto isto, qualquer batida que machuca o couro cabeludo, crânio ou cérebro, precisa de cuidados.

Não importa se a lesão é uma pancada no crânio ou alguma lesão cerebral grave, saber o que fazer na hora é de deveras importância para evitar traumas piores. Entenda a seguir:

• Traumatismo craniano fechado indica um golpe duro na cabeça por algum objeto, porém, esse objeto não quebrou o crânio.
• Traumatismo craniano aberto ou penetrante com ferimento na cabeça, indica que um objeto atingiu e quebrou o crânio, entrando no cérebro.

Veja a seguir, lesões na cabeça:

• O mais comum é a concussão, que é uma lesão cerebral traumática, onde o cérebro foi abalado
• Feridas no couro cabeludo
• Fraturas do crânio

Veja a seguir, onde ferimentos na cabeça podem causar sangramento:

Homem com dor na cabeça

• No tecido cerebral
• Nas camadas que envolvem o cérebro (hemorragia subaracnoide, hematoma subdural, hematoma extradural).

Veja a seguir, as causas mais comuns de lesões na cabeça:

• Quedas
• Agressão física
• Acidentes de trânsito
• Acidentes em casa, trabalho, ao ar livre, ou durante a prática de esportes

Veja a seguir, os sintomas ocasionadas após uma pancada na cabeça

• Os sintomas podem ocorrer de imediato ou desenvolver-se durante algumas horas ou dias.
• Pancadas podem resultar em sangramento ou inchado.
• A medula espinhal poderá ser ferida, assim como algumas lesões podem acarretar mudanças na função cerebral, conhecida como lesão cerebral traumática.
• Cerebral traumática leve é a concussão, podendo ser leve ou grave os seus sintomas.

Veja a seguir, quais situações deve-se procurar um médico quando alguém sofre pancadas na cabeça:

• Quando a pessoa estiver muito sonolenta
• Quando a pessoa estiver se comportando de maneira anormal
• Quando a pessoa tem forte dor de cabeça ou se o pescoço estiver duro
• Quando a pessoa está com as pupilas (a parte central escura do olho) de tamanhos desiguais
• Quando a pessoa não consegue mover um braço ou perna
• Quando a pessoa perde a consciência, mesmo que brevemente
• Quando a pessoa vomita mais de uma vez.

Veja a seguir, o que fazer quando alguém sofre pancadas na cabeça:

Homem com dor na cabeça

• Observar as vias aéreas da pessoa, respiração e circulação. Caso seja preciso, inicie a respiração artificial e faça massagem cardíaca
• Quando a pessoa estiver inconsciente, porém respirando, estabilize a cabeça e o pescoço, coloque as mãos nos dois lados da cabeça da pessoa, não esqueça de manter a cabeça em linha com a coluna vertebral e espere a ajuda medica
• Quando ocorrer sangramento, pressione com um pano limpo sobre o ferimento. Caso o sangue encharque o pano, coloque outro pano sobre o primeiro
• Não aplique pressão direta no local do sangramento em suspeitas de fratura de crânio, além disso, não remova os detritos da ferida, mas cubra o ferimento com gaze estéril
• Role a cabeça da pessoa, pescoço e corpo como um todo para o seu lado, caso a pessoa esteja vomitando, assim evitará que ela se engasgue. Não deixe de aplicar compressas de gelo nas áreas inchadas.
• Procure um hospital se o ferimento na cabeça for grave, principalmente se houver hemorragia ou danos cerebrais.

Veja a seguir, o que não fazer quando alguém sofre pancadas na cabeça:

• Não deve-se lavar o machucado da cabeça, principalmente se for profundo e sangrar muito
• Não deve-se remover qualquer objeto que esteja saindo da ferida
• Não deve-se mover a pessoa a não ser que seja realmente necessário
• Não deve-se agitar a pessoa, principalmente se ela estiver atordoada
• Não deve-se remover o capacete quando houver suspeitas de lesões graves na cabeça
• Não deve-se pegar uma criança caída que tenha sinais de ferimentos na cabeça
• Não deve-se beber álcool nas 48 horas após um traumatismo craniano grave.

Motivos para o vegetarianismo

A seguir, você ficará por dentro dos diversos motivos para eliminar o consumo de produtos de animais e derivados. Veja a importância que o vegetarianismo tem para a saúde. Confira!

• Existem comprovações cientificas de que todo vegetariano evita doenças, como por exemplo, doenças cardiovasculares, câncer e diabetes. Além disso, os vegetarianos vão ao médico 22% a menos que os carnívoros e possuem 20% a menos de colesterol.

• Compreenda que a maioria das carnes consumidas, possuem hormônios, pesticidas e antibióticos. Todas essas substâncias são dadas aos animais no cativeiro, sendo assim, essas substâncias estão demasiadamente concentradas na carne, diferente dos alimentos vegetais.

• Esses mesmos animais, além de sofridos, são destinados ao abate. Não existem motivos racionais para defender quem se alimenta desses animais, dado que existem outras maneiras de nos alimentarmos. Posto isto, nenhum animal deve ser explorado desta forma, matar um animal em prol dos nossos desejos alimentares não faz sentido.

• A carne é o principal responsável pelo envenenamento de comida. Entenda que muitos embutidos são feitos de restos de carne animal. Logo, o certo é optar pelo vegetarianismo, pois equilibra todas as vitaminas, proteínas e minerais necessários para o nosso corpo.

Carne

• O vegetarianismo é uma maneira eficiente de eliminar a fome do mundo, uma vez que 100 acres de terra produzem carne para 20 pessoas, porém, produzem grãos para 240 pessoas.

• A criação excessiva desses animais, ocasionam a poluição de lagos e dos lençóis freáticos, devido aos excrementos dos animais. Ademais, existe o consumo alarmante de água na criação dos mesmos, por exemplo, para produzir 1 kg de carne, serão precisos de 2000 a 3000 litros de água, ao mesmo tempo que para produzir 1 kg de trigo, são precisos somente 150 litros de água.

• Sabendo-se disso, em 1 hectare de terra, 22500 kg de batata podem ser colhidos, enquanto 80% das áreas cultiváveis no mundo são utilizadas para pasto e criação de animais, logo, 90% do desmatamento de florestas tropicais é resultante da criação de animais e mais de 1000 espécies são extintas por conta do desmatamento.

• A alimentação vegetariana é saudável e faz bem para o organismo, portanto, a digestão da carne absorve a energia, ocasionando cansaço pós digestão. Além do que, um vegetariano possui uma alimentação econômica, dado que o dinheiro gasto em carnes, renderá um sacolão de legumes e verduras.

Legumes

• A soja produzida para consumo humano não se compara em relação a plantação para consumo dos animais, outro fator responsável pelo desmatamento.

• A alimentação vegetariana é rica, ao contrário de uma alimentação carnívora, pois uma só pessoa em sua vida toda poderá ter consumido cerca de 36 porcos, 36 bois e 750 frangos e perus, sendo assim, são muitas mortes por cabeça.

• Entenda que a dieta vegetariana é rica em fibra, favorecendo a saúde do intestino ao impedir a prisão de ventre, já a carne causa o envelhecimento precoce das células do corpo.

• Para finalizar, os animais devem ser vistos como amigos e não alimento. Algumas religiões orientais, afirmam que todo sofrimento causado aos animais e também a natureza, retornará para nossas vidas. Posto isto, optar por uma vida vegetariana é optar pela sustentabilidade do planeta.

Quem pode retirar o passaporte na Polícia Federal

Sempre existem dúvidas na hora de tirar o passaporte e uma delas é: “Quem pode retirar o passaporte na polícia federal?”. A resposta é simples e sem rodeios: Todo e qualquer brasileiro poderá tirar o passaporte, seja criança, adulto ou idoso.

Para quem deseja realizar viagens internacionais, o passaporte é um item imprescindível, sem ele não existe a possibilidade de sair da América do Sul.

Engana-se quem acha que para tirar o passaporte terá muita dor de cabeça, pois o processo para obter o documento em mãos é simples.

Veja a seguir, como solicitar e emitir o passaporte na Polícia Federal passa a passo.

Passaporte

• O passaporte é emitido pela Polícia Federal, posto isto, será necessário comparecer ao posto da PF por duas vezes, sendo que a primeira é para apresentar os documentos solicitados e tirar as digitais, incluindo a foto. Já a segunda ida ao posto da PF, será para retirar o passaporte pronto.

Veja a seguir, os documentos necessários:

• Documento de Identidade
• Título de Eleitor e comprovantes de que votou na última sessão
• CPF
• Para os homens será necessário o documento que comprove quitação com o serviço militar
• Para os naturalizados, será necessário levar o certificado de Naturalização.
• Para as pessoas que estão fazendo o seu segundo, terceiro ou mais passaportes, será preciso apresentar o passaporte anterior, pois caso não seja apresentado, uma taxa será cobrada.

A primeira coisa a ser feita para obter o passaporte é preencher a solicitação no site da Polícia Federal. Neste mesmo formulário será possível escolher o local mais próximo para ser atendido. Ao preencher o formulário, terá a opção gerar protocolo, que será necessário imprimi-lo para levar no dia solicitado.

Sendo assim, clique também em gerar boleto de Guia de Recolhimento da União (GRU), geralmente a taxa a ser paga é de R$ 257,25. O comprovante de pagamento também será necessário no dia solicitado.

Não deixe de comparecer ao posto da PF no dia solicitado e principalmente não esqueça de levar a identidade original na segunda ida ao posto, que será preciso para retirar o passaporte. O passaporte possui validade de dez anos, passados esses anos, será necessário seguir o mesmo processo para obter outro passaporte.

Canela para combater dores menstruais

Muitas mulheres sofrem de cólicas menstruais, sendo assim, é bastante comum essas mulheres buscarem ajuda através de medicamentos anti-inflamatórios, como o ibuprofeno.

As cólicas menstruais podem ser ocasionadas por questões hormonais, sendo que a alimentação também colabora para que a cólica menstrual aconteça. O desconforto menstrual é natural, porém, a cólica poderá ser reduzida ou simplesmente não ocorrer, quando os hormônios, como o estrogênio e a progesterona, estão equilibrados.

Canela

No entanto, quando a cólica ocorre, os medicamentos podem trazer resultados imediatos ao amenizar a cólica, mas em contrapartida podem provocar efeitos colaterais desagradáveis, especialmente quando o uso dos medicamentos é contínuo.

Posto isto, pesquisas foram realizadas em busca de medicamentos alternativos e a canela obteve bons resultados. O estudo foi realizado com dois grupos de mulheres, um grupo consumiu 400 mg de ibuprofeno e o segundo grupo consumiu 420 mg de canela.

O resultado foi o melhor possível, pois o grupo de mulheres que consumiram canela, tiveram suas dores menstruais reduzidas em maior quantidade. Logo, a canela é uma ótima opção para as mulheres que buscam medicamentos naturais e eficazes.

 

A canela possui um composto chamado procianidina, que é um ótimo anti-inflamatório, que não só alivia a dor, como também diminui a hemorragia menstrual. Além disso, poderá reduzir a náusea e o enjoo.

O chá de canela possui vários benefícios, incluindo a sua proteção contra doenças cardiovasculares, pois favorece a circulação e ajuda a reduzir o açúcar no sangue. Sendo assim, não há motivos para não tomar chá de canela durante as dores menstruais.

Veja a seguir, como fazer um chá de canela:

• Dois pauzinhos de canela
• 500 mL de água
• Deixe ferver e depois espere esfriar
• Tome duas vezes por dia

Atenção: O chá não deve ser consumido durante a gravidez, pois causa risco para a saúde do bebê.