Como reconquistar seu ficante

Conseguir reconquistar o seu ex pode ser uma tarefa árdua e penosa, que demandará bastante empenho e dedicação. Você deve entrar nesta missão apenas se estiver muito afim ou perdidamente apaixonada por ele, se não todo o esforço não valerá a pena.

Esteja de olho nas outras mulheres que estão rodando ele, é possível que você precise lutar contra elas para recuperar o seu homem. Se a competição ficar muito intensa você irá precisar de armas secretas para capturar de volta alguém que um dia foi seu. Confira então algumas dicas para iniciar:

  1. Volte a ser quem era no início do relacionamento

Se foi o seu ex quem acabou o relacionamento que vocês desfrutavam significa que ele tinha motivos e razões legítimas para tal ato. Caso não tenha sido uma traição, é possível que ele tenha começado a sentir que a sua personalidade mudou de tal maneira a ponto de não conseguir mais lidar com você.

Reconquistar um Namorado

Reconquistar um Namorado

Se você era uma pessoa doce e gentil é hora de voltar a suas raízes, para que ele se encante novamente com a mulher maravilhosa pela qual um dia ele se interessou.

  1. Reflita no que irá dizer a ele

Antes de chegar o momento da abordagem, você deve gastar um pouco de tempo pensando sobre o que ele gosta e espera ouvir de você. Para ter de volta um homem você jamais deverá se humilhar, chorar e ter ações que reflitam desespero.

Expresse que você tem vontade de conversar com ele uma última vez para tentar resolver seus problemas. Se achar necessário, esse é o momento de pedir desculpas, mesmo que você não saiba o que fez de errado, pergunte a ele e mostre que está disposta a mudar.

  1. Recrie momentos agradáveis

Quando se encontrar com ele invista em uma roupa bonita que ele sempre gostou de te ver vestida, se for uma que exiba sensualidade, melhor ainda. Convide ele para verem um filme que ambos já assistiram em outra ocasião e adoraram.

Procure lembrar de uma memória bem poderosa que tornou vocês dois mais ligados em um momento passado e tente criar uma situação semelhante, até os caras mais durões gostam deste tipo de momento, pois você chegará mais perto do coração dele.

  1. Use palavras dele a seu favor

Durante suas conversas procure utilizar palavras e expressões que ele goste e tenha o hábito de colocá-las dentro de diálogos, desta forma ele sentirá uma proximidade mental maior com você. De forma subconsciente ele perceberá que você é a pessoa ideal para ele, uma vez que pensam da mesma forma.

  1. É isso mesmo que você quer?

Após muitas tentativas de reaproximação você percebe que as coisas não começam a dar certo nunca, será que você pretende passar o resto da vida para conquistar alguém que não dá a mínima pra você? Em muitos casos, é possível descobrir que na verdade você só está sendo obstinada ao fim do relacionamento para ser a pessoa que coloca o “ponto final”.

Repense se vale a pena voltar ou se você está apenas em uma sede por vingança. Ele te tratava como você realmente merecia? Qual era o nível de atenção que ele dedicava a vocês quando estavam juntos e distantes? Você acha que ele prezava pelo relacionamento de vocês? Somente após responder essas perguntas que você estará preparada para dizer se deve ou não tentar uma reconciliação com o seu ex ficante.

Como terminar com as brigas nos relacionamentos

Não existe nada pior do que aquele clima tenso e chato com o seu amor, ainda mais quando essas reações são ocasionadas por brigas sem fundamentos, promovidas pelo mau humor, discordâncias de opiniões, “ciuminhos infantis” e outros fatores insignificantes.

Os desentendimentos constantes desgastam relacionamentos de maneira intensa em um prazo muito curto, resultando em traições entre o casal, falta de amor e separação. Por essas e outras razões, é extremamente importante que essa rotina de conflitos seja evitada.

Para prevenir essa maré ruim é necessário que os parceiros sejam sempre cúmplices um do outro, respeitem-se e acima de tudo exerçam a amizade em conjunto com o amor. As medidas mencionadas a seguir ajudarão a evitar as briguinhas bobas e resolver os problemas de casais que surgem no cotidiano. Aproveite todas elas e comece a colocá-las em prática o quanto antes!

Todas as brigas resultam em corações partidos.

Coração partido (Foto: Reprodução)

Mantenham sempre um diálogo, afim de deixar tudo esclarecido ao invés de guardar mágoas e mencioná-las quando estiverem explosivos.

Procurem conversar e não brigar. A calma é um fator que poderá ajudar na resolução de problemas.

Evitem todo e qualquer tipo de insulto, mesmo os leves, certas palavras ferem mais que uma agressão.

Tente controlar todos os tipos de impulsos durante a conversa, mantendo o tom de voz equilibrado (se possível), gritos não ajudam em nada, pelo contrário, provocam ainda mais estresse.

Não faça comparações, não diga o “eu te disse” ou “eu te avisei”. Tudo isso só irá piorar as coisas. Cada um sabe o erro que comete e sofre com isso.

Evite ao máximo falar mal da família dele/a ou das pessoas que fazem parte do seu cotidiano há anos. Isso fará com que a briga se estenda ainda mais e que os ânimos fiquem a flor da pele.

Aceite os defeitos do outro e conversem sempre sobre como resolver essas diferenças, ninguém é perfeito.

Antes de reclamar do outro, se coloque no lugar e analise suas próprias atitudes.

Lembre-se sempre que nem todas as suas prioridades são tão importantes assim como parecem.

Não façam “barracos” na frente de ninguém. Evitem expor a vida íntima, roupa suja se lava em casa.

Confie no seu amor e sinta-se sempre seguro/a dos seus sentimentos. Assim o ciúmes ficará mais contido.

Comecem uma conversa tentando resolver o problema e resolva-o. Caso contrário a breve “discussão” será em vão.

Deixe o orgulho de lado e mantenha a mente mais aberta. Assuma os seus erros e aceite as opiniões do outro.

Antes de começar o diálogo, pense bem em tudo o que irá falar e o que deseja com tudo isso.

Trabalhe o emocional para aceitar desculpas e também para pedi-las sempre que necessário.

Como controlar a ansiedade no amor

A ansiedade é compreendida como um dos estados emocionais naturais dos seres humanos, porém, em alguns momentos e etapas, a sua aparição se demonstra com mais intensidade e frequência, particularidades que prejudicam bastante um indivíduo, tanto em sua vida profissional, quanto pessoal e sentimental.

De acordo com análises psicológicas, quando esse sintoma apresenta-se em continuidade e com crises medianas ou extremas, é essencial que a ajuda médica seja procurada, para que as razões do transtorno sejam descobertas e tratadas de acordo com o grau que possui.

No amor, essa modalidade sentimental é caracterizada como uma das que mais desestabilizam casais, pois o medo, a insegurança, a aflição e outros sinais fazem com que os paceiros entrem em conflito, não confiem um no outro, briguem sem nenhum motivo ou por algo que criam em suas imaginações, acabam se magoando mais do que necessitam.

Alguns dos pontos abaixo indicam que a ansiedade está ficando descontrolada, confira:

» Pensar e sentir falta o tempo todo do outro
» Não conseguir se concentrar em nada por estar com o pensamento no parceiro/a
» Deixar suas tarefas de lado por causa do companheiro/a
» Ter um ciúme descontrolado
» Desconfiar de tudo que o outro faça
» Ter possessividade em relação ao parceiro/a

Acha que a sua ansiedade já está ficando descontrolada e vem atrapalhando o seu relacionamento? Confira dicas a seguir que te auxiliará a manter esse estado emocional em equilíbrio!

» Eleve a sua autoestima, para fazer com que se sinta bem consigo mesmo para depois agradar ao outro.

Como controlar a ansiedade no amor

Casal feliz.
(Foto: Reprodução)

» Deixe a sua mente desocupada, livre de pensamentos e vibrações ruins.

» Pare de dar ouvido ao que os outros acham do seu relacionamento.

» Mantenha sempre um bom diálogo com o seu par.

» Evite ficar com a cabeça vazia.

» Permaneça em relacionamentos que te proporcione estabilidade emocional.

» Acredite nos seus potenciais.

» Tenha mais tempo para você.

» Evite ficar estressada/o em qualquer situação.

» Mantenha-se sempre bem organizado.

» Sempre tenha foco em seus objetivos e sonhos.

» Procure não dormir ansiosa/o.

» Dê carinho as pessoas que você ama.

» Evite os conflitos, brigas sem necessidade e coisas que desgastam o casal.

» Seja companheiro/a.

» Faça o consumo de chás, leite quente ou algo tranquilizador um pouco antes de dormir.

» Mantenha a alimentação sempre bem equilibrada.

» Pratique exercícios físicos para liberar hormônios que acarretem uma maior sensação de prazer em toda a estrutura corporal.

Relembrando!

Se nenhuma das práticas acima conseguirem auxiliar a controlar a ansiedade, busque orientação médica! Quando antes essa ajuda for promovida, menos danos o organismo do paciente sofrerá.

Como sair bem de um relacionamento

Todos os relacionamentos amorosos ligam muito o casal e querendo ou não, o término acaba abalando muito o emocional de ambos. Diversos momentos são vividos e compartilhados, intensidade e descontrole são dois pontos marcantes das emoções e se livrar de tudo isso é bem difícil.

O famoso “felizes para sempre” acabou de ter um fim! Não dá mais para viver como estão. A relação já está fazendo mais mal do que bem para ambos. Chega a hora de colocar um ponto final!

Não existe um manual de dicas para se sair bem em um relacionamento, porque acredite, NINGUÉM sai! Isso porque sentimentos são dados todos os dias um ao outro, a rotina nos acostuma a isso e sair dela não é fácil. Porém, alguns processos podem ser realizados e praticados diariamente para superar pouco a pouco esse “fim”, como:

» Evite manter contato com o ou a ex e com pessoas que possam ficar falando sobre ele(a) ou da história de vocês, pelo menos por um tempo;

» Faça novas amizades, conheça novos lugares, respire novos ares;

Como sair bem de um relacionamento

Foto rasgada.
(Créditos da foto: http://www.universofeminino.info/)

» Permita-se viver sem colocar dúvidas na cabeça, faça o quem vontade e esqueça a opinião dos outros;

» Volte a realizar suas opções de lazer prediletas;

» Aumente sua autoestima, mude o visual, compre roupas novas, se sinta bem consigo mesmo;

» Saia, dance, se divirta sempre que puder;

» Não guarde mágoas, pois elas poderão ficar remoendo por um bom tempo;

» Evite ficar muito tempo sozinho, com a cabeça vaga, pois isso fará com que você fique pensando no antigo relacionamento;

» Não fixe a ideia de que um amor se esquece com outro ou que não deverá se entregar para outra pessoa;

» Deixe que as coisas aconteçam com o tempo, sem pressa, sem cobranças;

» Busque concretizar os seus sonhos, isso fará com que você se sinta realizado;

» Não coloque sua felicidade em coisas que possa perder, como nas pessoas. Busque ser feliz consigo mesmo, se amar, se apaixonar;

» Comece a fazer exercícios físicos, mude a alimentação e tenha hábitos de vida saudáveis, isso ajudará a manter o seu físico bem e por consequência a sua estética e seu emocional;

» Mantenha vibrações positivas. Acorde, olhe no espelho e repita para si mesmo: “Isso vai passar!”, e acredite, vai passar!;

» Não encare a solterisse como um bicho de sete cabeças, pois não é;

» Retire do pensamento que você não consegue viver sozinho, porque da mesma maneira que aprendemos a gostar, também aprendemos a desgostar!