Como desenvolver bem uma equipe de trabalho

Trabalhar em equipe não é um “bicho de sete cabeças” como muita gente pensa, sua dinamização quando articulada de maneira correta (onde todos os integrantes do grupo buscam saídas com um esforço coletivo para a resolução de algum problema), tende muito a dar certo.

A primeira constatação dessa abordagem foi relatada após o fim da Primeira Guerra Mundial, onde muitos países desenvolveram a junção de vários agrupamentos de pessoas para agilizar as complicações aparentes nos âmbitos políticos, econômicos, trabalhistas e sociais.

Com o passar dos anos, novos métodos foram ministrados dentro dessa opção de desenvolvimento, artifícios que otimizaram a sua juntura, dando mais agilidade para as equipes, trabalhando atualmente com mais facilidade, dinamizando mais trocas de conhecimento, alcançando objetivos tanto de maneira conjunta, quanto individual.

Se você deseja executar uma reformulação da sua equipe de funcionários, para que ela tenha um maior vínculo de ligação, promovendo uma expansão progressiva da sua empresa, confira as dicas à seguir, se empenhe nisso e boa sorte!

Tente articular grupos com componentes que possuam personalidades compatíveis, ou seja, que mesmo com as suas diferenças pessoais consigam entrar em consenso, se entender e elaborar projetos magníficos.

Como desenvolver bem uma equipe de trabalho

Representação de uma equipe de funcionários.
(Foto: Reprodução)

Promova dinâmicas dentro da sua equipe, como a troca de funções ou brainstorming, isso ajudará a identificar o perfil de cada componente, quem desempenha melhor cada particularidade da empresa, os mais criativos, responsáveis, atenciosos, etc.

Distribua conceitos e atividades desafiadoras durante o mês, dando mais liberdade para as criações e projetos de desenvolvimento da equipe. Dessa maneira verá até aonde os seus funcionários são capazes de chegar.

Atribua responsabilidades individuais e grupais, assim todos trabalharão ambos conceitos.

Envolva toda a equipe em relação a tomadas de decisões, dessa forma todos os seus componentes verão que possuem suas qualidades realmente reconhecidas e se esforçaram mais no empenho das suas tarefas.

Avalie todo o trabalho promovido pela equipe e faça correções ou elogios sempre que for necessário.

Faça com que os funcionários se interajam com mais frequência, dentro ou fora da empresa, isso ajudará a fazer com que eles fiquem com a mente mais aberta e elaborada.

Articule reuniões semanais ou quinzenais com a equipe, priorizando os pontos chaves do que foi trabalhado, como o desenvolvimento de cada um, as ideias que possui e o que eles sugerem, entre outros fatores.

Construa um diálogo não tão formal e que seja bom para todos, onde cada um saberá no que pode melhorar e como conseguir serem excelentes juntos.

Como sair bem de um relacionamento

Todos os relacionamentos amorosos ligam muito o casal e querendo ou não, o término acaba abalando muito o emocional de ambos. Diversos momentos são vividos e compartilhados, intensidade e descontrole são dois pontos marcantes das emoções e se livrar de tudo isso é bem difícil.

O famoso “felizes para sempre” acabou de ter um fim! Não dá mais para viver como estão. A relação já está fazendo mais mal do que bem para ambos. Chega a hora de colocar um ponto final!

Não existe um manual de dicas para se sair bem em um relacionamento, porque acredite, NINGUÉM sai! Isso porque sentimentos são dados todos os dias um ao outro, a rotina nos acostuma a isso e sair dela não é fácil. Porém, alguns processos podem ser realizados e praticados diariamente para superar pouco a pouco esse “fim”, como:

» Evite manter contato com o ou a ex e com pessoas que possam ficar falando sobre ele(a) ou da história de vocês, pelo menos por um tempo;

» Faça novas amizades, conheça novos lugares, respire novos ares;

Como sair bem de um relacionamento

Foto rasgada.
(Créditos da foto: http://www.universofeminino.info/)

» Permita-se viver sem colocar dúvidas na cabeça, faça o quem vontade e esqueça a opinião dos outros;

» Volte a realizar suas opções de lazer prediletas;

» Aumente sua autoestima, mude o visual, compre roupas novas, se sinta bem consigo mesmo;

» Saia, dance, se divirta sempre que puder;

» Não guarde mágoas, pois elas poderão ficar remoendo por um bom tempo;

» Evite ficar muito tempo sozinho, com a cabeça vaga, pois isso fará com que você fique pensando no antigo relacionamento;

» Não fixe a ideia de que um amor se esquece com outro ou que não deverá se entregar para outra pessoa;

» Deixe que as coisas aconteçam com o tempo, sem pressa, sem cobranças;

» Busque concretizar os seus sonhos, isso fará com que você se sinta realizado;

» Não coloque sua felicidade em coisas que possa perder, como nas pessoas. Busque ser feliz consigo mesmo, se amar, se apaixonar;

» Comece a fazer exercícios físicos, mude a alimentação e tenha hábitos de vida saudáveis, isso ajudará a manter o seu físico bem e por consequência a sua estética e seu emocional;

» Mantenha vibrações positivas. Acorde, olhe no espelho e repita para si mesmo: “Isso vai passar!”, e acredite, vai passar!;

» Não encare a solterisse como um bicho de sete cabeças, pois não é;

» Retire do pensamento que você não consegue viver sozinho, porque da mesma maneira que aprendemos a gostar, também aprendemos a desgostar!

Como dormir rápido e bem

Ter boas noites de sono é fundamental para que as pessoas tenham uma vida saudável, isso porque esse processo biológico proporciona vários benefícios ao organismo, como a sua reparação, regeneração, além de revigorar o desgaste que o corpo obteve enquanto estava ativo.

Devido a correria do dia-a-dia, o estresse, a ansiedade, algumas condições genéticas e possíveis transtornos na saúde, muitas pessoas não conseguem dormir direito durante a noite, onde possuem dificuldades para pegar no sono e/ou acordam várias vezes nesse período, provocando interrupções nesse processo.

A insônia vem se fazendo como um problema frequente na sociedade e graças ao seu alarmante número de indivíduos acometidos pelos seus sintomas, pesquisas e estudos foram realizados para ajudar essas pessoas a dormirem melhor, sem que tenham que fazer o uso de medicamentos com substâncias que podem vir a fazer mal  à saúde e deixar o paciente dependente.

Dicas para melhorar a qualidade do sono.

Mulher dormindo profundamente.
(Foto: Reprodução)

Dicas para dormir melhor

» Conte carneirinhos;

» Evite ficar pensando em problemas, assuntos de trabalhos, familiares, relacionamentos, etc;

» Desligue todo e qualquer aparelho eletrônico que estiver no ambiente ou os coloque no modo silencioso;

» Procure tomar um banho antes de se deitar para relaxar o corpo;

» Deixe o quarto ou ambiente escolhido completamente escuro e bem arejado;

» Tome chá, café ou leite quente antes de dormir;

» Se gostar de ler ou escrever, realize uma das tarefas assim que se deitar;

» Ajuste bem os travesseiros e procure novas posições para dormir quando se deitar;

» Vista roupas confortáveis e escolha fronhas, lençóis e edredons macios para colocar na cama;

» Reduza todo e qualquer barulho que existir em casa para que não roubem a sua atenção ao se deitar;

» Mantenha o quarto sempre limpo e arrumado;

» Opte por não praticar exercícios físicos e consumir qualquer tipo de alimento que possua cafeína antes de dormir;

» Prefira fazer o seu lanche ou jantar cerca de 1 hora e meia a 2 horas antes de dormir;

» Escolha alimentos mais leves para consumir a noite;

» Procure não tirar nenhuma soneca durante o dia;

» Faça com que seu corpo crie um relógio cronológico do sono, indo dormir todos os dias aproximadamente no mesmo horário;

» Mantenha a respiração mais lenta quando se deitar e relaxe bem o corpo;

» Evite ao máximo o estresse, ansiedade, nervosismo ou qualquer variação constante de humor, não somente antes de dormir, mas também ao longo do dia;

» Coloque gotas de óleos essenciais (aromatizantes) no travesseiro ou em recipientes que fiquem dentro do quarto, isso costuma acalmar o indivíduo e deixar o ambiente mais agradável.

Atenção

Caso nenhum dos métodos acima funcionem durante o prazo de uma a duas semanas, procure ajuda médica para que um diagnóstico específico seja realizado para saber quais as causas que vem atrapalhando as suas noites de sono.