Fiapo de Jaca » Estilo de Vida » Quando o bebê começa a racionar

Quando o bebê começa a racionar

Confira nesse artigo um interessantíssimo tira dúvidas, contendo informações sobre o aprendizado, raciocínio e memorização dos bebês.

     

Assim que os bebês nascem, podemos perceber que todos os dias eles manifestam reações novas, isso acontece devido ao seu contato com diversos ambientes e indivíduos que estão a sua volta. Sua aprendizagem se desenvolve com rapidez, pela sua atenciosidade, curiosidade e conhecimentos adquiridos ao longo do tempo.

Pediatras e outros demais especialistas afirmam que não existe uma idade certa para que os bebês comecem a raciocinar ou memorizar algo ou alguém, mas atestam que essa iniciação geralmente se apresenta entre 1 ano e dois meses à 2 anos de idade, momento em que eles já conseguem se lembrar de alguns acontecimentos do cotidiano.

Os principais instintos que os levam a essa articulação são as suas necessidades essenciais, como falar, caminhar, se alimentar, tomar banho, brincar, ficar no colo, passear, entre outros fatores. Os pais, familiares e as demais pessoas que estão interligadas no dia-a-dia das crianças, são considerados peças essenciais para ajudar nesse processo, conduzindo ao cérebro impulsos de desenvolvimento pessoal.

Quando o bebê começa a racionar

Crianças deitadas na cama.
(Foto: Reprodução)

Inicialmente, os profissionais dizem que a memorização dos bebês são apenas momentâneas. Posteriormente ela vai se elevando a curto, médio e longo prazo. Suas habilidades se tornam mais complexas quando começam a ficar mais independentes, mantém convívio com outras crianças e são inseridos em instituições educacionais, fazendo com que seus neurônios fiquem em ação com atividades .

Marcos de desenvolvimento

» 5 meses: nessa já começam a adquirir força corporal e costumam realizar alguns movimentos sozinhos, como se jogar no colo de pessoas que estão próximas, se virar, sentar e engatinhar.

» 4 ou 5 meses: essa é a hora em que as balbuciações começam, onde a criança “fala” em alguns instantes mas ninguém entende absolutamente nada.

» 6 à 9 meses: nesse período as balbuciações são muito frequentes. É importante que os pais, familiares e pessoas próximas estimulem os bebês emitindo sons, expressões, palavras, etc.

» 8 meses: a partir desse momento, os bebês começam a querer se levantar, segurando em todos os objetos que podem para promover tal ação.

» 11 meses: nesse instante, as crianças provavelmente já dobram seus joelhos para se manterem agachados e conseguem ficar paradas sozinhas por alguns minutos.

» 1 ano em diante: dessa etapa em diante, os bebês já começam a andar sozinhos, tendo alguns desequilíbrios até aprender a se locomover com precisão. Em relação a sua fala, algumas palavras já começam a ser pronunciadas, sendo repetidas a todo momento.

» 2 anos em diante: nessa fase os bebês já caminham, correm e articulam frases com os indivíduos que se encontram ao seu redor.

Atenção!

Nem todas as crianças obedecem esse relógio cronológico, mas caso seja observado que sua aprendizagem está demorando a acontecer, é essencial que um pediatra seja procurado, para que diagnostique a criança e ateste se existe algum transtorno em seus comandos corporais e/ou cerebrais.

Saiba Mais:


Quer comentar ?