Fiapo de Jaca » Novidades » Perigos das amizades virtuais

Perigos das amizades virtuais

A internet se tornou o maior meio de comunicação da atualidade, mas oferece alguns perigos em suas redes de relacionamentos e amizades. Confira mais informações sobre o assunto clicando AQUI!

     

Depois que a conexão entre pessoas de todas as partes do planeta foi estabelecida, fazer amizades se tornou um processo consideravelmente fácil quando ministrado via internet, em sites de interatividade, diversão, bate-papo, relacionamentos, blogs, entre outras demais modalidades de páginas e conteúdos que existem nos meios virtuais.

Na atualidade, a inserção de pessoas nesse centro tecnológico global se inicia logo na infância, característica que vem proporcionando algumas observações para os pais. Profissionais da área da saúde e críticos fazem orientações devido aos perigos que o mundo online oferece aos indivíduos dessa idade.

Os adolescentes e jovens são taxados como os mais conectados nas redes sociais e outros endereços da internet, tendo como seu principal enfoque de acesso os laços de amizade, que geralmente são findados em grupos que articulam as mesmas ideias, gostos, estilos musicais, opiniões, entre outros aspectos.

Perigos das amizades virtuais

Ícones da internet se conectando com o globo terrestre.
(Foto: Reprodução)

A grande preocupação dessa articulação é o que pode estar por trás do desconhecido, isso porque muitas pessoas de má índole e até mesmo meliantes se recriam em papéis de excelentes personagens e ludibriam seus “parceiros” virtuais, fazendo-os acreditar em informações e perfis falsos, solicitando dados pessoais, encontros, fotos comprometedoras e por vezes ocasionando desavenças familiares.

A falta de informação sobre esses perigos no Brasil, talvez seja um dos motivos que propiciam a propagação desses malefícios. Em inúmeros outros países e continentes, esse assunto já é debatido em sala de aula, palestras e comunidades de discussão, pela fundamentalidade que o meio virtual possui.

Devido a essas análises, alguns critérios foram elaborados e podem auxiliar muito os pais nesse meio, como:

Conversar com seus filhos sobre o que é relevante ou não para ser visto na internet.

Ressaltar os males que algumas pessoas promovem nesse sistema, citando casos verídicos já acontecidos.

Limitar os horários de acesso.

Colocar os computadores e notebooks em locais da casa onde a visibilidade da tela é de fácil acesso.

Incentivar o uso da internet para pesquisa e visualização de assuntos interessantes.

 Estabelecer um bom grau de amizade com os seus filhos, para que eles possuam confiança nessa relação e relatem todo tipo de abuso, sentimento ou qualquer coisa estranha que esteja acontecendo.

Saiba Mais:


Quer comentar ?