Fiapo de Jaca » Estilo de Vida » Nova técnica de hipnose contra dores

Nova técnica de hipnose contra dores

Compreenda quais as vantagens da realização da hipnose e da auto-hipnose para pessoas enfermas que vem enfrentando quadros de saúde desconfortantes. Clique aqui!

     

A hipnose é compreendida pelos fenômenos naturais da mente, onde um conjunto de ações conseguem viabilizar sessões de estados hipnóticos (como a voz, pêndulos, etc), fazendo com que o consciente do indivíduo entre em estado de alucinação para a promoção de algo, como números de mágicas, aprendizagem, condicionamento mental e a contenção de sintomas promovidos por enfermidades.

Essa prática está se tornando uma técnica consagrada em trabalhos psicodinâmicos de terapia, assim como a auto-hipnose, onde sua articulação é aplicada pela própria pessoa que quer entrar nesse “transe”. Tudo parece ser um pouco confuso inicialmente, mas se trata de um procedimento antigo, porém inovador.

Na área da saúde, sua atuação é ministrada como um instrumento complementar para a contenção de diversos incômodos e transtornos completamente desconfortantes, sendo os principais deles:

Nova técnica de hipnose contra dores

Mulher realizando uma auto-hipnose.
(Foto: Reprodução)

Ansiedade
Estresse
Insônia
Afonia
Sonambulismo
Pesadelos
Perda do apetite
Alcoolismo
Gagueira
Agorafobia
Cãibras
Urticária
Bulimia
Baixa auto-estima
Tendinite
Perturbações histéricas
Alterações da menstruação
Distúrbios oculares
Problemas nos canais auditivos
 Dificuldades de aprendizagem
Manias e maus hábitos (como roer unhas)
Perda da capacidade de concentração
Síndrome do pânico e do medo
Dores de qualquer intensidade e frequência, em qualquer área do corpo

Os fenômenos hipnóticos mais aplicados na atualidade geralmente estão interligados ao rapport, distorção do tempo, amnésia, dissociação, hipermnésia, analgesia, movimentos ideomotores, regressão e progressão de idade. Esses auxílios costumam ser prescritos por psicólogos, psiquiatras e fisioterapeutas, sendo efetuados por profissionais hipnoterapeutas.

Saiba Mais:


Quer comentar ?