Fiapo de Jaca » Escolar » Escritas egípcias Hieróglifos: explicação escolar

Escritas egípcias Hieróglifos: explicação escolar

Confira neste artigo um resumo completo sobre a forma da escrita egípcia hieroglífica, entenda como se deu a sua evolução e veja algumas curiosidades sobre o assunto.

     

A escrita hieroglífica era considerada como uma das mais utilizadas no Egito Antigo e por isso se fez como um grande marco na cultura dessa região. Sua estrutura era composta por desenhos e símbolos, onde cada um deles representavam algum tipo de ideia, objeto e conceitos que existiam na época.

Os indivíduos que mais dominavam os conceitos hieróglifos era chamados de escribas, pois conseguiam agrupar os sinais para a formação de frases, de acordo com os pensamentos que queriam divulgar. Toda a escrita era feita nas paredes das pirâmides, nos templos, nos palácios e no papiro.

Pouquíssimos pesquisadores e cientistas conseguem realizar a leitura desses símbolos, mas os seus tradutores garantem que a escrita hieroglífica possui papel fundamental na descoberta da história da civilização antiga dos povos egípcios e de toda a sua cultura. Um dos grandes nomes de decifradores hieróglifos de todos os tempos é Jean François Champollion, considerado ainda como um grande egiptólogo e linguista.

Assim como as demais escritas, a hieroglífica também conseguiu evoluir com o passar dos anos, aderindo a formas mais simplificadas, sendo elas:

» Hierático: possuí os mesmos basamentos da escrita hieroglífica, mas podia ser escrita e pintada em papiros e placas de barro;

» Demótico: a escrita se fez mais detalhista, com uma melhor estética, onde aderia os símbolos gregos além da escrita hieroglífica.

Estima-se que ao todo, a escrita hieroglífica possuía aproximadamente 6.900 sinais e devido a essa grande quantidade de símbolos, o modelo foi descartado, por causa da dificuldade de memorização de todos os termos. O seu desaparecimento começou a surgir após a chegada do cristianismo e a miscigenação de povos que aconteceu no Egito.

Com o passar dos anos, a escrita egípcia se desenvolveu constantemente, fazendo com que os sinais hieróglifos fossem esquecidos quase que completamente. Nos dias de hoje, ainda é possível encontrar alguns de seus símbolos, não na escrita dos povos, mas em trabalhos artesanais locais.

Curiosidade

Um dos textos mais famosos encontrados com escrita hieroglífica foi o Pedra da Roseta, encontrado em uma pedra de granito que apareceu somente no ano de 1799, sendo uma das grandes descobertas da tripulação de Napoleão Bonaparte.

Fotos das escrituras hieroglíficas

Escritas egípcias Hieróglifos

Escrituras (Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

Passagens hierólifos (Foto: Reprodução)

Escritas egípcias Hieróglifos

Modelo egípcio hieróglifo (Foto: Reprodução)

Saiba Mais:


Quer comentar ?