Fiapo de Jaca » Estilo de Vida » Dor e endurecimento da mama

Dor e endurecimento da mama

Para esclarecer as suas dúvidas quanto ao endurecimento e as dores frequentes nos seios, acompanhe este artigo que preparamos especialmente para você. Entenda o porquê desse desconforto.

     

Dores nos seios e endurecimento

As dores nos seios não são nada comuns. Esse é um dos motivos que mais levam mulheres a consultórios ginecologistas. Não há estipulação de idades para o problema, contudo são mais comuns entre os 15 e 20 anos de vida de uma mulher.

Na maioria dos casos, as mulheres sentem dores toleráveis, onde não as impedem de fazer suas atividades normais. O problema está quando as dores ultrapassam a normalidade e tomam uma proporção muito maior, impedindo-as de usar o sutiã ou dormir de bruços.

Geralmente, acontecem no período em que o dia se finda. Se tornam cada vez mais intensas com o passar dos tempo. Os seios começam a apresentar uma aparência inchada, consequentemente aumentando de volume. Indicando sempre um desequilíbrio hormonal.

Problema decorrente em mulheres jovens e adultas.

Dores e endurecimento dos seios (Foto: Reprodução)

Você,obviamente, deverá procurar um médico nesse caso. Passará então por uma sucessão de perguntas que serão responsáveis pelo diagnostico. Também haverá um devido exame para constatar a existência ou não de caroços ou protuberâncias na região dos seios.

Já para os casos de endurecimento das mamas, os ginecologistas o chamam de mastose. Esse fenômeno é a formação de partes endurecidas na mama, indica também problemas relacionados aos hormônios do corpo feminino. O seu médico testificará cada detalhe do mesmo.

Tanto as dores como o endurecimento das mamas são causados pelas mudanças fibrocísticas. Acontecem principalmente devido a várias atuações no tecido mamário, incluindo a alteração dos hormônios. Estima-se que cerca de 60% das mulheres sofram com o problema.

Essas tem em média 30 e 50 anos. Para reduzir os efeitos, você poderá diminuir as quantidades de sal presente em sua alimentação. Também evite bebidas alcoólicas com frequência, café e refrigerantes. O sutiã ortopédico também é um ótimo auxiliador, impedindo as dores.

Não há tratamento específico, mas há práticas para evitar o problema. Lembrando que nos casos de dores e endurecimentos insuportáveis, o seu médico deve ser consultado imediatamente. Este texto não anula qualquer orientação médica e ginecológica. 

Saiba Mais:


Quer comentar ?