Fiapo de Jaca » Novidades » Doenças de notificação compulsória imediata SP

Doenças de notificação compulsória imediata SP

Confira neste artigo as enfermidades descritas como notificações compulsórias imediatas válidas dentro do estado de São Paulo.

     

As notificações compulsórias imediatas correspondem a um registro que facilita o processo de tratamento de indivíduos que possuem certos tipos de doença, fazendo com que a enfermidade seja controlada com mais rapidez e destreza. Esse procedimento vem provocando um avanço na observação, intervenção e contenção de transtornos imunológicos em todo o país.

O SDNC (Sistema de Doenças de Notificação Compulsória) é o responsável por fazer a LNDC (Lista de Doenças de Notificação Compulsória), onde epidemiológicos analisam as doenças e as separam de acordo com alguns critérios, sendo os principais deles a vulnerabilidade,  potencial de disseminação, magnitude, disponibilidade de medidas de controle, entre outros.

As LNDC’s são descritas tanto de forma nacional quanto estadual, devido as doenças que costumam acometer cada região, sendo que constantes revisões devem se realizadas periodicamente para o conhecimento de novas doenças ou fazer a reemergência de outras.

LNDC de São Paulo

Lista das doenças que fazem parte da notificação compulsória imediata.

Epidemiológico fazendo anotações compulsórias.
(Foto: Divulgação)

» Botulismo;
» Carbúnculo ou Antraz;
» Cólera;
» Coqueluche.
» Dengue.
» Difteria;
» Febre Maculosa;
» Febre Tifóide;
» Hanseníase;
» Hantavirose;
» Hepatites Virais;
» Leishmaniose Visceral;
» Leptospirose;
» Malária;
» Peste;
» Poliomielite;
» Paralisia Flácida Aguda;
» Raiva Humana;
» Rubéola;
»  Sarampo;
» Sífilis Congênita;
» Sífilis em gestante;
» Tétano;
» Tularemia;
» Tuberculose;
» Varíola;
» Febre Amarela;
» Febre do Nilo Ocidental;
» Meningite por Haemophilus influenzae;
» Síndrome da Rubéola Congênita;
» Síndrome da Imunodeficiência Adquirida – AIDS;
» Síndrome Febril Íctero-hemorrágica Aguda;
» Síndrome Respiratória Aguda Grave;
» Doença de Creutzfeldt – Jacob;
» Doenças de Chagas (casos agudos);
» Doença Meningocócica e outras Meningites;
» Esquistossomose (em área não endêmica);
» Eventos Adversos Pós-Vacinação;
» Influenza humana por novo subtipo (pandêmico);
» Leishmaniose Tegumentar Americana;
» Infecção pelo vírus da imunodeficiência humana – HIV em gestantes e crianças expostas ao risco de transmissão vertical;

 

 

 

Saiba Mais:


Quer comentar ?