Fiapo de Jaca » Novidades » Como identificar uma pepita de diamante

Como identificar uma pepita de diamante

Existem variados tipos de testes que podem apurar a veracidade ou não de uma pepita de diamante. Saiba nesse artigo quais são elas!

     

O diamante é uma das pedras mais preciosas existentes no mundo, sendo ainda a mais dura, resistente e cara. Suas jazidas são encontradas em áreas com alta concentração de um tipo de rocha, chamada pelos geólogos de kimberlito. Tem como bases da sua estrutura o resfriamento do magma, que chegou à Terra há milhões de anos, carregando elementos das suas regiões mais profundas.

Pesquisas revelam que mais da metade das jazidas encontradas no planeta estão concentradas na África, tendo como um dos seus principais polos a Angola. Esse comércio se faz como um dos mais ricos da atualidade e é responsável por mover parte da economia mundial.

Dicas para identificar a veracidade de um diamante

Diamantes.
(Foto: Reprodução)

Existem vários métodos utilizados para identificar se as pedras de diamante são reais ou não, sendo os principais deles:

Observação: As pedras soltas são mais fáceis de distinguirem a autenticação, podendo ser analisadas por um joalheiro e até mesmo pelo seu detentor.

Teste de luz

Reflita uma lanterna ou alguma outra fonte de luz sobre o diamante, caso se formar uma aureola ao seu redor, estará comprovada a sua veracidade, mas se a luz atravessar e você conseguir enxergar do outro lado, ela é falsa.

Folhas de livros ou jornais

Pegue o diamante e coloque-o em cima de uma folha de um livro ou pedaço de jornal e olhe para as descrições do papel através da pedra, se o texto ficar ampliado ou der para ver alguma de suas linhas, essa preciosidade é falsa, isso porque estudos comprovam que os diamantes não tem como serem usados como lente de aumento e não refletem a luz.

Teste com joalheiros

Leve a pedra para um joalheiro confiável e peça para que ele utilize das suas habilidades para comprovar se o diamante é ou não real. Os principais procedimentos utilizados nesses casos são a observação das imperfeições da preciosidade, testes com sondas elétricas e testes de comparações .

Testes profissionais

Existem procedimentos específicos utilizados por autoridades e joalheiros para determinar se um diamante é verdadeiro ou não, sendo eles o exame de microscópio, a pesagem altamente precisa, inspeção de luz ultra-violeta e o exame de raio X.

Provas de autenticidade

Todo e qualquer diamante real vem acompanhado do certificado GIA (Gemological Institute of America), instituição responsável por atestar a veracidade da pedra preciosa. Portanto, exija-a sempre, em qualquer tipo de compra.

Saiba Mais:


Quer comentar ?