Fiapo de Jaca » Estilo de Vida » Como evitar as espinhas e cravos no rosto

Como evitar as espinhas e cravos no rosto

Está com acnes faciais e já não sabe mais como eliminá-las ou evitar o seu aparecimento? Acesse esta matéria e veja dicas que poderão te ajudar em ambas práticas, sem deixar marcas na pele!

     

Um dos distúrbios que acometem a pele, deixando sua superfície com um aspecto desfavorável para a estética corporal, são as acnes. Enfermidade que provoca o aparecimento de folículos pilosos (espinhas e cravos) na parte externa do organismo, com mais relevância nas regiões “oleosas”, como o rosto.

A área facial geralmente possui algumas alterações em suas glândulas sebáceas (podendo ser elas de origem genética ou hormonal), fazendo com que o local produza um excesso de oleosidade, deixando toda a área mais propensa a manifestação desses transtornos.

As pessoas mais acometidas pelas acnes possuem entre 11 à 30 anos. Em alguns indivíduos a sua presença é tão pequena, que é considerada por eles irrelevante; já em outros, é essencial que o acompanhamento dermatológico ou truques sejam manipulados diariamente para diminuir a quantidade dos “pontinhos”.

Dicas para evitar as espinhas e cravos no rosto

Pele oleosa.
(Foto: Reprodução)

Abaixo veremos algumas dicas que poderão te ajudar a controlar, evitar e tratar o aparecimento de cravos e espinhas, mas antes disso, vale um conselho: não esprema suas espinhas, poderá provocar cicatrizes pelo corpo, deixando-o por vezes com um visual feio.

» Mantenha sempre uma excelente higienização da face, para diminuir os níveis de oleosidade.

» Prefira manipular no rosto produtos que são livres de óleo, a base de camomila, argila verde, aveia, enxofre, ácido salicílico ou ácido glicólico.

» Opte por comprar hidratantes, filtros solares e maquiagens mais leves que mantenham a pele seca.

» Limpe bem a região infectada e retire a maquiagem, lembrando que não é recomendado dormir com esses produtos na face, eles podem promover excesso de oleosidade e irritações.

» Mantenha uma alimentação saudável e evite o consumo de alimentos com alto teor de gordura e ricos em glicose.

» Prefira lavar o rosto com água gelada.

» Faça uma esfoliação facial sempre que sentir a pele muito oleosa ou desidratada.

» Proteja sempre a sua pele, evitando exposição ao sol entre às 10 horas da manhã e às 16 horas da tarde.

Atenção!

Em quadros mais graves, é necessário o uso de medicamentos orais (antibióticos e anti-inflamatórios) em gel ou creme, devendo estes serem prescritos por profissionais da área da saúde.

Saiba Mais:


Quer comentar ?