Fiapo de Jaca » Escolar » Células neoplásicas

Células neoplásicas

Neste artigo você irá encontrar um resumo completo sobre o que são as células neoplásicas, saber como elas se manifestam no organismo humano e quais os malefícios que podem vir a fornecer ao sistema imunológico.

     

Na visualização geral, são classificadas como células neoplásicas, todas as células tumorais, que podem desenvolver metástases malignas (câncer) ou benignas, transtorno denominado como neoplasia. O tecido anormal que ocasiona essa doença não possuí nenhum tipo de função fisiológica, podendo vir a se desenvolver de maneira descontrolada, com uma alta multiplicação, de acordo com o quadro do enfermo.

Cientistas explicam que essas células, através de mecanismos ainda não explicáveis, tiveram alguns dos seus códigos genéticos alterados, perdendo assim as suas funções primordiais, sendo um exemplo disso, as células hepáticas, que ao sofrerem disfunções podem vir a se dividir de forma desordenada, conseguindo a médio ou a longo prazo, construir um tecido hepático.

Existem ainda as células neoplásicas circulantes, que ocasionam a neoplasia hematológica (que se dá na corrente sanguínea) e outras demais que podem vir a acometer a pele, os ossos, os tecidos nervosos, o pulmão, o cólon, o peito e vários outros pontos pertencentes a estrutura corporal humana.

Características específicas das células neoplásicas

Resumo e explicação sobre o conceito das células neoplásicas.

Representação da formação de células neoplásicas.
(Foto: Reprodução)

» Alteração da adesão e da comunicação celular;
» Queda da diferenciação celular;
» Proliferação demasiada, sem controle;
» Suas anormalidades acontecem independente do requerimento de células novas;

Classificação

» Benigna: apresentam células semelhantes às do tecido de origem e seus núcleos não são alterados;
» Maligna: apresentam células com núcleos alterados, contendo irregularidades na forma, tamanho e também no número;

Os principais motivos que podem vir a provocar o acúmulo das células neoplásicas, causando a sua alteração celular, dando maiores chances da sua estrutura se manifestar de forma maligna são:

» Problemas hereditários e genéticos;
» Eventos genéticos espontâneos;
» Estímulos químicos, físicos e biológicos;

Exemplos: fumo, álcool, parasitas, hormônios, vírus, trauma, radiação, entre outros.

 

Saiba Mais:


Quer comentar ?